Discos Dormidos

Entenda

Numa manhã de feriado, sem padaria, sem mercado.

A fome matutina de dispensa vazia, um talvez pão perdido, no fundo do armário um pão dormido, por lá esquecido. Basta um micro-ondas, um forno, e eis um pão novo requentado, reaquecido e saboroso.

A indústria fonográfica brasileira vive um feriado que tem durado uns bons 10 anos. A infantilização, a industrialização “formulaica” da repetição e o mantenimento de estruturas de divulgação ligadas a verbas e falta de escrúpulos aleijaram a produção musical do mainstream brasileiro. Por outro lado nossa “cena independente” se encontra baratinada em meio a velhos conceitos e se perdendo entre referências.

Salvo algumas exceções nossa música é essa dispensa vazia, com parcos “cacetinhos” realmente frescos e de resto pão mofado, podre.

No meio desta estante vazia de frescor, cabe olhar para os pães, digo DISCOS DORMIDOS, esperando para serem requentados, relembrados e quiçá trazerem o frescor que a música brasileira precisa.

Encontrar um disco perdido, escondido, dormido de décadas atrás nos alfarrábios da rede, é tão gratificante quanto encontrar aquele pãozinho. Por isso vamos aos trabalhos de requentar estes pãezinhos da música brasileira.

Anúncios

2 opiniões sobre “Entenda

  1. Lopez Victor em disse:

    Muito obrigado por tudo isto partilha e divulgação de felicidade disco. música brasileira !
    Un grand merci de Bourgogne, France.

  2. Alberto Ferreira Albuqueque em disse:

    Obrigado pela disponibilização desse material fantástico! Demais sua iniciativa! De fato, o pão requentado aparenta estar mais fresco do que aqueles das padarias! ^^

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: